Diretora de “clínica da morte” renuncia após ver vídeo de aborto

“Quando vi, só pensei que não podia fazer mais isso. Eu não queria carregar essa culpa no coração. Passei por uma conversão espiritual”.

Abby Johnson, diretora da clínica de aborto da Planned Parenthood no Texas (EUA), renunciou após certificar-se do assassinato de uma criança no seio materno, por meio de aborto quando assistia um vídeo elaborado com ultrassom: 

 

A ex-diretora aderiu à associação pró-vida Coalition for Life, informouLifeSiteNews

Shawn Carney, diretor do grupo, declarou: “Isto é de longe a coisa mais incrível que aconteceu à ‘Coalition for Life’ em toda sua história… graças a Deus!”. 

David Bereit, diretor nacional da campanha 40 Days for Life, afirmou que a conversão de Abby “demonstra a importância das orações e de uma presença ativa diante das clínicas de aborto”. 

A Planned Parenthood está fechando clínicas, por falta de “clientes” e dinheiro, sobretudo onde há campanhas como 40 Days for Life.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *